Ambientação

Há 27 anos atrás, os dragões foram dados por extintos graças a uma terrível doença que exterminou as espécies, mas um criador clandestino surge com uma grande quantidade de ovos e o Ministério se empenha para reproduzi-los. Responsável por desenvolver cruzas de dragões para recriar os híbridos antes existentes, o Centro de Pesquisas Thunderbird foi saqueados por comensais que planejavam a criação de um exército poderoso para assumir o controle do Ministério. Em resposta, o governo desmembra o Departamento de Pesquisa e Limitação de Dragões e cria a Sede de Domadores e Cavaleiros de Dragões para tentar se defender da ameaça que vinha.


Últimos assuntos
Administração
Ástrid N. Lyudvigovitch
Xayah L. Tykkyläinen
Morgana R. Furtwängler
Jennifer Tulee Ward
Aalyah Makini D. Laforet
Awards
A mais pervertida
Postadora The Flash
Afiliados
Créditos
Skin hecho por Hardrock de Captain Knows Best. Li Europan lingues es membres del sam familie. Lor separat existentie es un myth. Por scientie, musica, sport etc, litot Europa usa li sam vocabular.

Li lingues differe solmen in li grammatica, li pronunciation e li plu commun vocabules. Omnicos directe al desirabilite de un nov lingua franca: On refusa continuar payar custosi traductores.

[RP Fechada] Small talk for a little butterfly

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP Fechada] Small talk for a little butterfly

Mensagem por Alice L. Adams em Sab Set 16, 2017 8:57 pm



Small talk for a little butterfly
RP FECHADA entre as personagens Alice L. Adams e charles h. furtwängler. Está RP será narrada em uma tarde de sábado, logo após o almoço. Os dois amigos estavam a procura de Borboletas nos jardins do castelo. Qualquer postagem de terceiros deve ter a autorização de algum dos participantes.
Copyright © 2017 All Rights Reserved for Mayu Amakura at Lotus Graphics
Mensagens :
17

Data de inscrição :
05/06/2017

Localização :
País das maravilhas


Ver perfil do usuário
Lufa Lufa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP Fechada] Small talk for a little butterfly

Mensagem por Alice L. Adams em Sab Set 16, 2017 9:04 pm

little talk
Alice corria apressada em direção ao jardim do castelo, estava animada, impaciente e curiosa, queria respostas. A poucos minutos atrás estava almoçando com Charles, seu melhor amigo, quase fazendo o rapaz engolir a comida sem mesmo mastigar antes. Ao chegar perto de um grande arbusto, a garota finalmente decide parar de correr e faz uma careta ao lembrar de algo importante. Colocou sua mochila em que carregava seus acessórios de caça a insetos no chão e levou as mãos a cintura. - Charlie! Mariposas não ficam no meio de flores, quem faz isso são Borboletas… mariposas são atraídas por luz, e são mais noturnas. - Um biquinho surge nos lábios da loira, agora com o cenho franzido. - Podemos esperar até a noite é ter a sorte de alguma mariposa aparecer, ou tentar conseguir falar com algum outro inseto. O que Acha? -  A garota sorri da resposta do amigo. “Sempre tão rabugento!” pensou. - Tudo bem então, a quem acha que devemos perguntar? - Diz colocando as mãos no queixo e observando o arbusto a sua frente através das lentes redondas de seus óculos escuros. Alice tinha os olhos muito claros, que ficavam bem irritados expostos a claridade, e o dia estava bem ensolarado, o que tornou o acessório indispensável. - Provavelmente será mais fácil encontrar borboletas, se encontrar alguma, peça desculpas adiantado e, com muito, mas muito cuidado mesmo, pegue ela com essa rede, e traga até mim. Vamos colocá-la em um pote de vidro e depois de conversar, liberta-la. Mas antes, pediremos desculpas outra vez, acho que ela nos perdoará. - Alice entrega a Charles uma vara de metal, que só pressionar um botão próxima ao cabo aumentava de tamanhos, com uma rede em sua extremidade superior. - Agora vá, Charliezinho! Quanto antes conseguirmos, mais tempo terei para te encher a paciência. - Piscou com um olho só e sorriu ao ver a animação do amigo, enquanto o mesmo ia em direção a alguns canteiros de flores.

Tirou de sua bolsa seu chapéu de exploradora, para ajudar a tapar o sol, o colocando sobre os lisos cabelos loiros quase brancos. Fez uma careta ao passar a mão em seus braços e sentir os mesmos pegajosos por conta do protetor solar, ela não gostava, mas era preciso. Ajeitou seu vestido branco de bolinhas laranja e checou se o cadarços de suas pesadas botas estavam amarrados, um simples ritual pré caça a borboletas que fazia sempre antes de começar, afim de evitar futuros acidentes com cadarços desamarrados, já que a mesma sabia de sua falta de equilíbrio. Pegou sua rede e começou a andar lentamente olhando em volta a procura de algum ser voador de pequeno porte e colorido, mas a única coisa que vou foi um Charles saltitante tentando capturar um pequeno pontinho laranja em meio aos canteiros de flores. - CHARLIE! A BORBOLETA DEVE ESTAR RINDO DE VOCÊ PULANDO DESSE JEITO. - Gritou para o amigo que estava um pouco afastado. Não conseguiu conter o riso, ver Furtwängler saltitando atrás de uma borboleta era a melhor cena do ano, mas logo decidiu se aproximar e tentar ajudar. - Precisa de uma ajudinha aí, borboletão? - Disse entre risos.
Mensagens :
17

Data de inscrição :
05/06/2017

Localização :
País das maravilhas


Ver perfil do usuário
Lufa Lufa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum